Relacionamento e compromisso – 2ª parte

TEXTO: Apocalipse 3:12 e Atos 20:24

  • Na edificação da igreja Deus estabelece alguns por colunas.
  • As colunas são importantes. Dão sustentação. (Retirar uma coluna pode causar uma catástrofe)
  • Sabe quem é você? Uma coluna.

– Então, as conquistas e a firmeza de uma família dependem das colunas;
– A firmeza de uma igreja depende das colunas.

  • As colunas são feitas para suportarem: pressão, tensão e o peso.
  • As colunas produzem a unidade.
  • Para se fazer colunas: areia/cimento/ferro.
  • Para se fazer colunas pra Deus: compromisso/relacionamento/disciplina. 

COMPROMISSO: At 20:24; Fp 1:21; Rm 8:35

  • Com Deus e com os irmãos. (1Jo 4:20)
  • Você avalia o seu nível de compromisso com Deus medindo o nível de aliança da pessoa com a igreja.
  • Nós tornamos semelhantes àqueles com quem nos comprometemos.

É com os demônios, fica parecido com eles.
É com ideologias malignas, fica parecido com o maligno.
É com Deus, fica parecido com Deus.

Compromisso é a PRIMEIRA CHAVE PARA A MUDANÇA.

No casamento: os cônjuges passam a ser parecidos depois de algum tempo, por causa do compromisso.

  • Quanto maior o compromisso, mais assimilamos os hábitos e o jeito da outra pessoa.
  • É o compromisso mútuo que produz a unidade de linguagem e pensamento.

– Por que eu digo isso? Porque você passa mais tempo com seu chefe, mas você não se parece com seu chefe.
– Convivência sem compromisso é só ajuntamento.

Exemplo: 1Ts 1:8-9 – os irmãos macedônios era conhecidos pelo compromisso. Eles tinham aliança uns com os outros.

  • Sem aliança com os pastores ou com as células, seremos apenas um ajuntamento de pessoas sem nenhum impacto na cidade.
  • Digo isso porque alguns pensam que a solidez de uma igreja está na idade dos membros. (Jovens são fortes); ou na condição financeira da congregação. A força de uma igreja está no nível de aliança dela com o Senhor.
  • Aquele que é comprometido se entregou:

– Não mede esforços.
– É perseverante. (Só estamos aqui porque homens e mulheres comprometidos deram suas vidas. Ex: João Batista; Paulo na cadeira.

  • Para seguir Jesus exige compromisso. Jesus se relacionou com 3 tipos de pessoas:

– MULTIDÃO: o via de longe, percebia o milagre.
– SEGUIDOR OCASIONAL: percebia os conselhos e as palavras de Jesus, mas não assumiam publicamente sua fé.
– DISCÍPULOS: eram os que faziam a obra.

Lc 9:23 – dizia a todos: se alguém quer vir após mim, negue-se a si mesmo, e tome cada dia a sua cruz e siga-me.
Mt 16:24 – dizia aos discípulos: se alguém quer vir…

RELACIONAMENTO:

  • Uma casa é sustentada por várias colunas.
  • Ninguém cresce trancado em um quarto. (Mt 10:27)
  • Um monge pode parecer espiritual, mas não pode crescer.
  • A nossa personalidade é moldada pelos nossos relacionamentos.
  • Os únicos que, morando sozinhos, se tornaram pessoas melhores foram: Tarzan e Mogli. (Isso é lenda).
  • Por isso que até nossos compromissos espirituais mais sinceros, se forem mantidos em segredos, acabam deixados de lado.
  • Nos relacionamentos: prestamos conta da nossa vida; incentivamos mutuamente ao amor e as boas obras (Hb 10:24-25); partilhamento das cargas (Gl 6:2); compartilhamento do pão; zelo com o próximo (Hb 12:15).
  • Todos nós precisamos nos relacionar com: Timóteo/Paulo/Barnabé. (Discípulo, companheiro e aquele que está acima de mim).
  • O relacionamento tira a reação e coloca uma resposta verdadeira.
  • Donna Partwon disse: Resolver conflitos é uma ordenança. Se você tiver um bom relacionamento, você conquistará mais rápido.

DISCIPLINA

  • Ser constante. (2Tm4:7 – Combati o bom combate, completei a carreira e guardei a fé.)
  • Cumprimento de responsabilidades específicas de cada pessoa. (Ex: Um pássaro voa por que tem aquela disciplina todos os dias de sobrevivência).
  • É impossível crescer sem disciplina.
  • O homem na segunda metade da sua vida, é o resultado dos hábitos que ele formou na primeira metade.
  • A disciplina passa por três caminhos: repetição, repreensão (censura) e exortação (encorajamento). (Gl 2:11-14)
  • Aqueles que não aceitam ser confrontados não podem ser mudados.
  • Sua identidade é formada pela constância. Você é conhecido por aquilo em que persevera.
  • Deus considera os compromissos de entrega por toda a vida.

Sl 15:4b – “mas honra os que temem ao Senhor; aquele que jura com dano seu, e contudo não muda”.